Campus Boa Vista leva curso de espanhol a comunidade indígena

por Virginia publicado 11/10/2019 13h55, última modificação 14/10/2019 08h11
O curso de Espanhol Intermediário, que terá carga horária de 80 horas, é destinado às mulheres da comunidade

Na última quarta-feira, 9, teve início, na Comunidade Vila Nova Esperança, no Município do Bonfim, o curso de Espanhol Intermediário destinado às mulheres da comunidade.

Coordenado pela servidora Janira Souza de Lima, o curso, para o qual estão sendo ofertadas 30 vagas, terá  carga horária de 80 horas e será realizado na Escola Estadual Indígena Tuxaua Cícero da Silva Ferreira, no período de 9 de outubro a 29 de novembro, às segundas, às quartas e às sextas-feiras, das 7h30 às 11h30.

O curso está sendo ministrado pela professora Sandra Mendes e pelas acadêmicas Eduarda Caroline Souza da Silva e Aline Castro Farias, ambas do curso de Licenciatura em Letras/Espanhol e Literatura Hispânica. 

O principal objetivo é proporcionar a aquisição das quatro habilidades de comunicação (oral, auditiva, escrita e leitora) em nível intermediário, visando ao aprimoramento profissional e à elevação da escolaridade, por meio de produções orais e escritas. Além disso, o conteúdo programático visa propiciar ao cursista o uso da língua espanhola em nível intermediário, com foco no seu desenvolvimento pessoal, para que possa contribuir para o desenvolvimento local e regional, procurando desenvolver habilidades comunicativas, além de integrar-se com culturas diferentes.

Nessa perspectiva, o curso contribuirá para a elevação da qualidade dos serviços prestados à sociedade, sendo o aprendizado da língua espanhola um suporte para a atividade profissional, por meio de um processo de apropriação e de produção de conhecimentos capaz de contribuir para a formação humana integral.

 

Virginia Albuquerque
CCS/Campus Boa Vista
11/10/19